25 discos nacionais lançados em 2016 que vocês têm que ouvir

discos nacionais 2016É amigos, o fim está próximo! Mas só de 2016 e depois desse ano cheio vem aqui mais uma matéria especial para vocês. Depois de listarmos 45 discos internacionais lançados neste ano e que vocês precisam ouvir, agora chegou o momento dos brazucas aqui no Rock Noize.

Muita coisa boa rolou em 2016, tivemos o primeiro trabalho do Braza, banda com ex-membros do Forfun, o primeiro do Mano Brown (Racionais MC’s), a galera do Royal Dogs, o Thunderbird e os Devotos DNSA e inúmeros outros.

Por isso a gente aprontou essa listona pra vocês ouvir nessas mini-férias, nas viagens de fim de ano e até colocar como trilha sonora das festas de Natal e Ano Novo. Dá pra ouvir tudo de boas e tem pra todos os gostos. Vamos à ela!

1. Braza

Formado por ex-integrantes do Forfun, o Braza veio pra cima com o seu primeiro álbum de estúdio, que leva o nome deles. O disco é uma mistura de estilos, fundidos, segundos os próprios em uma dub, ragga e rap. Dá o play aqui pra ouvir.

2. Mano Brown (Racionais MC’s)

“Boogie Naipe” é o primeiro trabalho do Mano Brown fora do Racionais MC’s, uma das maiores, senão a maior, banda do rap nacional. Quem viveu a época da black music e disco no Brasil nos anos 70 e 80 vai simpatizar com esse trabalho do cara. Ouve entrando aqui.

3. Autoramas

Uma das bandas nacionais favoritas aqui da casa, o Autoramas mandou ver em “O Futuro dos Autoramas”, que conta com o casal Gabriel Thomaz e Érika Martins duetando nos vocais. O disco ficou bem bacana e você pode ouvir aqui.

4. Royal Dogs

O Royal Dogs é uma das grandes bandas novas brasileiras dos últimos anos e mostra seu rock vindo lá do Maranhão. Encabeçado pela vocalista Laila Razzo, eles foram uma das gratas surpresas que apresentamos pra vocês em 2016. Vem ouvir “Tattoo You” neste link.

5. Thunderbird e os Devotos DNSA

Se vocês são um pouco mais novos devem se lembrar muito do querido Thunderbird na MTV, mas o cara está na música desde antes de vocês darem as caras no mundo. O Devotos DNSA tem 30 anos de estrada e lançou disco novo este ano. Escute aqui.

6. Eutenia

Uma das gratas surpresas de 2016 foi o lançamento de “Chymia II” da Eutenia. Um metal pesado e jovial que não deixa nada a dever aos grandes nomes gringos e mais novos do gênero. Ouça aqui.

7. Sabotage

Sua morte foi uma perda irreparável para a música brasileira, mas eis que em 2016, uma parceria dos curadores do legado de Sabotage com o Spotify deu vida a um disco póstumo com músicas inéditas e cheio de participações especiais. Escute clicando aqui.

8. Louder

Os metaleiros do Louder lançaram o excelente EP “Take One” em julho. A banda passeia pelo rock clássico com influências de Led Zeppelin até o rock progressivo do Rush. Um prato cheio para quem curte os sons que bombaram nos anos 70. Vem ouvir entrando aqui.

9. Almah

Mais um para quem gosta de metal. O Almah chegou com o ótimo “E.V.O”, com Edu Falaschi em plena forma e cheio de solos bem construídos. A banda prepara uma turnê especial para 2017 e vale ficar ligado. Escute o disco aqui.

10. Clemente

A voz e liderança do mítico Inocentes e do ótimo Plebe Rude lançou um disco solo em 2016. Neste primeiro trabalho Clemente experimenta outros estilos fora daqueles que o consagraram como um dos “caras” do rock nacional. Escute “A Fantástica Banda Sem Nome” neste endereço.

11. DeFalla

Depois de 14 anos desde seu último álbum de estúdio, em 2016 o DeFalla voltou com “Monstro”, que trouxe uma mistura e tanto – já característica da banda – ao repertório do rock gaúcho dos caras. Escute nesse link.

12. Fresno

Mais um lá do sul, a Fresno, que tanto experimentou nos últimos trabalhos, lançou o não menos tradicional “A Sinfonia de Tudo Que Há”, com direito a participação de ninguém menos do que Caetano Veloso. Vem ouvir aqui.

13. Sioux 66

Tive a oportunidade de conferir dois shows da Sioux 66 em 2016, um deles abrindo para o Aerosmith e arrancando aplausos do exigente publico paulistano. Não é pra menos, “Caos” é um prato cheio para quem gosta de rock and roll. Escute entrando aqui.

14. Hateen

Ícone da cena hardcore nacional, o Hateen lançou “Não Vai Mais Ter Tristeza Aqui”. Sem deixar os costumes que os consagraram de lado, a banda canta suas – e nossas – emoções neste novo trabalho. Para ouvir clique aqui.

15. Liniker e os Caramelows

Um dos ícones atuais da música e muito também no que diz respeito aos gêneros, Liniker e os Caramelows não lançaram apenas um bom álbum, “Remonta”, sua estreia. Mas também um debate sobre o assunto no mercado. Vale ouvir demais, aqui oh!

16. Muñoz

Tal qual nomes como Royal Blood e Twenty One Pilots, bombados no mundo inteiro, o Muñoz é um duo dos mais competentes. Eles mandaram ver em “Smokestack” e vocês podem ouvir entrando aqui.

17. Beto Mejía

O Móveis Coloniais de Acaju chegou ao fim, mas Beto Mejía não para! O multi-instrumentista lançou o excelente “Wahyoob” e inclusive o disco rendeu uma entrevista incrível para o Rock Noize. Escute neste link.

18. Zander

“Flamboyant” é o mais recente disco do Zander. O quinto trabalho da banda chegou com 11 músicas bem bacanas e que valem ser ouvidas com atenção. Escute aqui.

19. Medulla

Os cariocas do Medulla chegam com “Deus e o Átomo”, um disco com 13 músicas e que conta com a participação de grandes nomes da música brasileira, entre eles Marcelo D2 e Martin Mendonça (guitarrista da Pitty). Vem ouvir entrando aqui.

20. Cachorro Grande

Outra das preferidas aqui da casa, a Cachorro Grande lançou “Electromod”, o segundo álbum da trilogia que começou em “Costa do Marfim” e promove uma mistura de estilos, com ênfase na psicodelia, neste caso. Escute “Electromod” neste link.

21. Bayside Kings

O peso do hardcore nacional está em “Resistance”, um bom disco do Bayside Kings, que tive oportunidade de ouvir recentemente. Aproveita essa e clica aqui para conferir o disco!

22. Supercombo

Outra das bandas boas do rock nacional, o Supercombo figura na nossa lista com “Rogério”, trabalho lançado esse ano com 24 músicas. Vem ouvir aqui.

23. Attractha

O metal brasileiro definitivamente está em alta! “No Fear To Face What’s Buried Inside You”, do Attractha é uma das provas disso. Ótimos arranjos e solos fazem do disco um dos discos do gênero que têm que ser ouvido. Entre aqui e escute.

24. Os Cabelorudo

Aaaahhh o punkrock, como é lindo! Os Cabeloduro apresentaram em 2016 o rápido e coeso “A Gente Só Se Fode” – nome sugestivo. O disco é daqueles que a gente tem impressão de ter sido gravado na década de 80 e leva a gente pras tretas da década! Vem ouvir.

25. The Highjack

Outra grata surpresa que ouvimos esse ano foi o The Highjack. Os cariocas fazem um som com total influência de inúmeras bandas dos anos 70, variando entre a psicoledia até o rock mais pesado de Led Zeppelin e Black Sabbath em seu “Express”. Ouve aí!

É isso! Muitos outros discos nacionais foram lançados em 2016, listamos 25 aqui apenas para vocês ouvirem e fica a critério de cada um a busca pelos outros e julgar quais deles são os melhores.

Até a próxima!

 

Foto: Divulgação/Internet

 

Comentários