Bryan Singer deixa cinebiografia de Freddie Mercury

rami-malek-bryan-singerHá alguns dias vocês viram aqui no Rock Noize que Bryan Singer havia “desaparecido” da produção de Bohemian Rhapsody, cinebiografia de Freddie Mercury. Um membro de sua equipe apenas se limitou a dizer que ele estava passando por “problemas pessoais”.

Bom, como nada foi muito bem esclarecido nos bastidores, a 20th Century Fox decidiu afastar definitivamente o diretor da produção, sem dar muitas explicações. Ele estava sumidão desde o feriado de Ação de Graças que aconteceu há algumas semanas.

Aí pensamos: se Singer estiver mesmo com problemas pessoais – dizem que envolve a saúde de alguém da família ou até dele mesmo -, a Fox não afastaria o diretor, certo? Sob o risco de uma enxurrada de críticas e quem sabe até um processo por parte do diretor.

Mas aí entramos em um outro ponto: informações vindas da mídia internacional dizem que Bryan tem uma convivência bem complicada com Rami Malek (Mr. Robot), o protagonista do filme. Inclusive algo mais recente é de que o diretor também estava entrando em conflito com outros atores do elenco.

Aí faz todo o sentido seu afastamento definitivo da trama. A Fox ainda não se pronunciou sobre quem será seu substituto e tão pouco quando a produção retornará. Por hora Bohemian Rhapsody continua com data de estreia para 25 de dezembro de 2018.

Além de Rami Malek no papel do vocalista do Queen, o longa ainda terá Ben Hardy como Roger Taylor; Gwilym Lee será Brian May; Joe Mazzello interpretará John Deacon e Lucy Boynton como Mary Austin.

 

 

Foto: Divulgação/Internet

Comentários