Entrevista Exclusiva: “A melhor forma de se preparar para uma turnê é justamente não ter expectativas.” – Strung Out

1200px-Strung_Out_(Ruhrpott_Rodeo_2013)_IMGP4977_nmz

Que ano é esse meus amigos! Fala sério, quando 2017 começou eu nunca poderia imaginar que tudo isso iria acontecer, especialmente essa série de entrevistas que nós da Rock Noize estamos trazendo para vocês, e hoje, tenho a honra de trazer para você uma pequena entrevista feita com o grupo californiano Strung Out!

Praticantes do punk rock ao melhor estilo trilha sonora do “Tony Hawk’s Pro Skater”, o quinteto corre pelo mundão desde o fim dos anos 80 com uma carreira prolífica que se estende ao longo de 8 discos, além de EPs e um ao vivo. Dessa forma, possui presença garantida nos principais festivais pelo mundo inteiro, além de encabeçar extensas turnês pelo próprio Estados Unidos e Europa.

E como não poderia ser diferente, o grupo está de passagens compradas para o Brasil, em uma rápida turnê pela América Latina com uma apresentação na Costa Rica, Colômbia, Peru, Chile Argentina e três cidades brasileiras  antes de voltar para casa.

Dessa forma, o guitarrista e membro fundador, Jake Kiley, conversou conosco e respondeu sobre diversos assuntos acerca da turnê e da banda em si. Mais uma vez, pegue a pipoca e se divirta com mais uma entrevista internacional:

Rock Noize: A banda vai começar uma longa turnê por 6 diferentes países em 9 apresentações e que com certeza será uma maratona! Como vocês estão se preparando? O que vocês esperam encontrar nessas lugares?

Jake Kiley: Sim, será uma tremenda aventura! A melhor forma de se preparar para uma turnê é justamente não ter expectativas, apenas estar aberto a todas as experiências e tentar aproveitar o máximo possível de cada lugar! Sempre viaje com pouco e traga o quanto você conseguir para casa.

Rock Noize: Entre o começo da banda e hoje em dia, você mantém majoritariamente a mesma formação todo o tempo, gravando discos e tocando juntos. Como é a relação dentro do grupo? Nós vemos casos de bandas que os membros nem falam uns com os outros enquanto outras que são uma verdadeira família… como é o Strung Out?

Jake Kiley: Oh! Nós somos o caso clássico de uma banda com 5 caras que na maioria do tempo nós aproveitam a estrada juntos, mas claro que existem horas que você precisa do seu próprio espaço e algum tempo para si mesmo. Nós temos um bom balanço, é importante não haver um sobrecarregamento de trabalho ou estar em turnê até um ponto onde surjam ressentimentos, nós temos muita sorte por fazermos o que fazemos.

Rock Noize: A banda foi uma das primeiras a assinar com a Fat Wreck Chords e ainda continua trabalhando com eles, como isso funciona? Depois de tantos álbuns, a banda criou algum ritual ou algo do tipo para escrever ou gravar novos materiais?

Jake Kiley: Trabalhar com a Fat Wreck Chords sempre foi algo fácil, temos um bom suporte em todo o processo. Eles nos deixam fazer os discos que queremos e não há nada melhor a se pedir de uma gravadora. Nós normalmente escrevemos as músicas individualmente e depois nos reunimos como uma banda para colocar tudo junto. Sentimos que isso ajuda a manter a criatividade musical fluindo e nós mantém envolvidos.

Rock Noize: Mesmo sendo uma grande referência no skate punk/hardcore, vocês tem uma sonoridade com claras influências do heavy metal. Eu estou falando algo errado? Quais são as principais influências no som de vocês?

Jake Kiley: Absolutamente! Nós amamos incluir várias influências no nosso som e nós pretendemos expandir isso ainda mais. Todos as formas de música agressiva, do hard rock ao metal e o punk são bem compatíveis e é divertido mistura-las, mas o desafio é fazer com que isso, de alguma forma que soe único e original para nós.

Rock Noize: A imagem da banda é bastante envolvida com o público do skate e do surf, os membros da banda são envolvidos com esportes e coisas dessa área? O que você acha dessa imagem?

Jake Kiley: Olha, nunca estive muito atento a essa coisa da imagem, mas vivendo na sul da Califórnia isso até que faz sentido. Nós crescemos em torno do skateboard e do surf, mas a maioria de nós não prática mais esses esportes. Nós ainda trazemos alguns skates para a estrada, mas não fazemos mais tantas façanhas como antigamente.

Rock Noize: Obrigado pela sua atenção! Fique a vontade para mandar uma mensagem para os fãs!

Jake Kiley: Muito obrigado! Estamos muito ansiosos para chegar e encontrar os fãs e tocar grandes shows!!!

A banda se apresenta no Brasil entre os dias 7, 8 e 9 de Dezembro, em Porto Alegre, Curitiba e São Paulo respectivamente. Fique atento, pois logo mais postaremos mais informações acerca dos shows dos caras por aqui!

Foto: Divulgação/Internet

Comentários