Feist no Brasil, no Cine Joia

Nesta última segunda-feira, 22 de outubro, se apresentou em São Paulo, no Cine Joia, a cantora canadense Feist. Musicista suave e ao mesmo tempo intensa, criativa, apresentou um repertório bem diversificado em relação aos seus trabalhos já lançados.

Com uma linha musical melancólica, experimental e ao mesmo tempo suave, Feist, carismática, simpática e espontânea, além de bonita, contagiou todos que estavam presentes. Tais características ficam expostas nos seus trabalhos, que vem desde Monarch (Lay Your Jewelled Head Down) (1999); Let It Die (2004); Open Season (2006); The Reminder (2007); até o mais recente trabalho Metals (2011), demonstrando uma versatilidade e coragem de criação musical.

Feist ressaltou o gosto pela Caipirinha, falando que era oportuna a bebida pelo o calor do nosso país, além do calor que fez na noite de segunda-feira. Ainda, pediu desculpas aos fãs que compraram o ingresso para sua apresentação no Tim Festival de 2007 que foi cancelada, dedicando a eles a música So Sorry.

 

 

Ao fim do show, convidou algumas pessoas da platéia para subir ao palco e interagir na apresentação da música Let it die, momento muito simpático da apresentação dela.

Repertório: 1. How Come You Never Go There, 2. A Commotion, 3. Mushaboom, 4. The Circle Married the Line, 5. Graveyard, 6. Undiscovered First, 7. My Moon My Man, 8. So Sorry, 9. Anti-Pioneer, 10. The Limit to Your Love, 11. My Girl (Cover do The Temptations), 12. I Feel It All,  13. Comfort Me, 14. The Bad In Each Other, 15. Get It Wrong, Get It Right; Bis: 16. Lover’s Spit, 17. Sealion, 18. Let It Die.  

 

Texto: Eduardo Salles Pimenta Filho

Comentários