Less Than Jake faz São Paulo transpirar em show espetacular

Sábado a noite, um vento gelado,greve dos caminhoneiros… tudo indicava que o final de semana seria difícil e sem muita graça, com exceção dos sortudos que garantiram seus ingressos para um dos shows mais sensacionais e divertidos do ano: Less Than Jake!

Além do grupo americano, o grupo Skatula, diretamente de Santa Catarina, marcou presença, agitando os fãs tocando clássicos do ska mundial e músicas próprias. A banda mesclou elementos do ska com pitadas de hardcore e se em um primeiro momento os fãs ainda estavam sem jeito ou meio apáticos, bastaram algumas músicas para que todo mundo já estivesse pulando e cantando.

Mas a noite só estava começando e a casa já se apresentava sinais de que estaria lotada, pois os headliners já estavam se preparando nos bastidores. A noite estava gelada, mas o suor já se acumulava nas camisetas e as latas de cerveja vazias davam sinais de que todos já estavam preparados para a atração principal. Por volta das oito horas da noite, as luzes se apagaram, anunciando que era a hora da diversão!

Para os desavisados, deixe-me localiza-los aqui: diretamente da Florida, o Less Than Jake é mundialmente conhecido por seus shows insanos, já que suas letras são verdadeiras odes a vida, onde a positividade move montanhas e você pode fazer seguir todos os seus ideais. Partindo disso, os fãs não poupam esforços para retribuir a banda, por seus mais de 10 anos de carreira e botam para quebrar nos moshs e nos circle pits.

Por sua vez, a banda fez valer e derramou 18 músicas que incendiaram o público e transformaram a noite gelada num verdadeiro caldeirão de emoções. Camisetas suadas e pessoas voaram pela pista, invadindo o palco, dançando com os amigos e desafiando a  lei que impede que dois corpos ocupem o mesmo lugar.

O set pode ser considerado um verdadeiro presente, já que condensou tanto músicas antigas, clássicos, quanto músicas do novo disco, motivo pelo qual estão em turnê de divulgação. Abrindo a noite com “Sugar in Your Gas Tank“, a banda foi desenvolvendo o set de forma energética, “Dopeman“, “1989” e uma das músicas mais animais do novo EP, “Whatever the Weather“.

Apesar de beirar quase uma hora e meia de show, era possível ver que a banda estava disposta a ficar no palco por mais horas a fio, abastecidos pelo tesão e pela energia que vibrava da pista. “The Science of Selling Yourself Short“, “Never Going Back to New Jersey” e “Last One Out of Liberty City” marcaram o início do fim da noite. Quando a banda veio para o esperado bis na dobradinha “All My Best Friends Are Metalheads” e “Gainesville Rock City“.

Showzão brutal que salvou um final de semana caótico e frio em São Paulo!

 

Setlist:

1 – Sugar in Your Gas Tank
2 – The Ghosts of Me and You
3 – Dopeman
4 – Plastic Cup Politics
5 – 1989
6 – Johnny Quest Thinks We’re Sellouts
7 – Whatever the Weather
8 – Look What Happened
9 – Overrated (Everything Is)
10 – Bomb Drop
11 – The Science of Selling Yourself Short
12 – How’s My Driving, Doug Hastings?
13 – Never Going Back to New Jersey
14 – P.S. Shock the World
15 – Last One Out of Liberty City
Encore:
16 – The Rest of My Life
17 – All My Best Friends Are Metalheads
18 – Gainesville Rock City

 

Para ver mais fotos do show clique aqui e aqui!

 

Comentários