Mr. Big: duas horas de hard rock eletrizante para o público gaúcho

3Com quase 30 anos de carreira e muita disposição, a banda californiana Mr. Big realizou duas horas de show apresentando uma verdadeira aula de hard rock ao público de Porto Alegre. Na noite da última terça-feira, dia 22 de agosto, o Bar Opinião foi palco para o quarteto composto por uma formação clássica: Eric Martin (vocal), Paul Gilbert (guitarra), Billy Sheehan (baixo) e Pat Torpey (bateria), além do músico Matt Starr (também na bateria). Starr tem participado das turnês da banda desde que Torpey foi diagnosticado com a doença de Parkinson, em 2014. Desde então, Torpey se mantém excursionando com grupo, sendo responsável pela percussão, backing vocals, e assumindo a bateria em algumas baladas que foram hits de muitas festinhas dos anos 1990.

O show teve início pontualmente às 21h quando os integrantes subiram ao palco dançando um R&B contagiante, e preparando-se em seguida para executar a rápida “Daddy, Brother, Lover, Little Boy”. A performance teve solos de guitarra de Paul Gilbert tocados com uma furadeira – para o delírio dos entendedores e admiradores do mestre que é considerado um dos guitarristas mais rápidos e técnicos do mundo. E logo na sequência vieram os sons “American Beauty” e “Undertow” (What If, de 2011), “Alive and Kickin” (Lean into It, de 1991) e “Temperamental” (Bump Ahead, de 1993). Para um momento mais intimista e nostáligico, Pat Torpey deixou de lado a meia-lua e assumiu a bateria por 4 minutos para tocar “Just Take My Heart” (1991).

2

Após Eric Martin saudar o público gaúcho esbajando simpatia e brincadeiras, o grupo executou os dois dos maiores sucessos “Take Cover” (Hey Man, de 1996) e “Green-Tinted Sixties Mind” (1991). Depois veio a dançante “Everybody Needs a Little Trouble”, do mais novo álbum Defying Gravity (2017). Com uma energia incrível, o grupo deu um show à parte com muito bom-humor e entrosamento que é característico de bandas mais “irreverentes” (glam) dos anos 1980. Eric Martin é conhecido por falar bastante durante as apresentações e brincar com os parceiros, tornando-se ao longo dos anos uma figura eternamente “jovem e descontraída” que dispensa extensos comentários.

O show sem dúvidas mobilizou um público mais maduro. Entre pais e filhos, muitos casais apaixonados (figurando os clássicos dignos de um álbum “love metal”) e fãs em geral de diversas cidades da região sul – somando aproximadamente 1.200 pessoas, que não viam Mr. Big desde 2015 na última passagem por Porto Alegre (ao lado da banda Winger).

4

A noite ainda contou com clássicos como “Addicted to That Rush” (Mr. Big, de 1989), “Colorado Bulldoge” (1993) os hits “To Be With You” (1991) e “Wild World” (canção original de Cat Stevens), além do impressionante solo de guitarra de Paul Gilbert e do solo de baixo do mestre Billy Sheehan – que durou 6 minutos. Além do seu trabalho com Mr. Big, Sheehan tem participação na banda de David Lee Roth e esteve em turnê no ano passado pelo Brasil com o seu power trio The Winery Dogs (ao lado de Mike Portnoy e seu ex-companheiro de Mr. Big, Richie Kotzen).

Na trajetória da banda Mr. Big, houve troca de guitarristas em 1997 com a entrada de Richie Kotzen (ex-Poison; The Winery Dogs), durante a pausa de Paul Gilbert. A banda se separou em 2002, retornando aos palcos em 2009 para uma turnê no Japão. Após a reunião do grupo e a volta de Paul Gilbert, lançaram “What if…” (2011), o primeiro álbum de estúdio em 10 anos.

5

Durante o show em Porto Alegre, o vocalista Eric Martin fez questão dizer aos fãs o quanto eles apreciam passar pelo Brasil em suas longas turnês. E pediu uma atenção especial e com aplausos enfáticos em homenagem a Paty Torpey – que desafiando suas condições, faz questão de acompanhar o grupo e atender aos fãs quando está nos bastidores. Para finalizar, os caras ainda fizeram um cover especial de Baba O’Riley, The Who.

Eric Martin despediu-se segurando uma bandeira presenteada por um grupo de fãs, composta por bandeiras de países da América Latina que recebem o grupo nesta fase da turnê. De Porto Alegre, a banda segue para Montevideo (Uy), onde se apresenta nesta quinta-feira (24/08).

1

Formado em 1988, o grupo que possui integrantes com técnicas apuradas tomou seu lugar na história do Hard Rock e segue no topo de muitas rádios pelo mundo. O timbre da voz de Eric Mrtin e as incríveis harmonias vocais entoadas por todo o grupo, fez com que Mr. Big emplacasse diversas canções de sucesso em uma grande variedade de gêneros de rock – seja em baladas, ou com um peso mais característico de heavy metal ou ainda com pitadas de blues. Foi sobretudo nos anos 1990 que eles alcançaram sucesso e mundial, com faixas como “Green Tinted-Sixties Mind”, Just Take My Heart” e a mais conhecida com um videoclipe em P&B – “To Be With You”. (Fonte: Rock Noize)

SET LIST:

 

  1. Daddy, Brother, Lover, Little Boy (The Electric Drill Song)
  1. American Beauty
  1. Undertow
  1. Alive and Kickin’
  1. Temperamental
  1. Just Take My Heart
  1. Take Cover
  1. Green-Tinted Sixties Mind
  1. Everybody Needs a Little Trouble
  1. Price You Gotta Pay
  1. Paul Gilbert Solo
  1. Take a Walk

13.Wild World (Cat Stevens cover)

  1. Rock & Roll Over
  1. Around the World
  1. Billy Sheehan Solo
  1. Addicted to That Rush

 

Bis:

  1. To Be With You
  1. Colorado Bulldog
  1. 1992
  1. Baba O’Riley (The Who cover)

 

Texto e fotos: Daiane Costa e Day Montenegro (veja mais fotos aqui)

Editor: Marcelo Coleto

Realização: Abstratti Produtora

Comentários